outubro 2, 2015

Melasma é uma doença!

De novo esse assunto?

Simmmm!

Assim posso mostrar para vocês como melhorei muitooooo meu caso, antes vamos saber um pouco mais sobre essa doença já que o verão se aproxima e temos que nos prevenir usando muitooooo filtro solar!

Lembrando também que apesar de eu ter conseguido bons resultados com tratamento em casa, o que fez a real diferença foi ter encontrado uma dermatologista que sabe muitoooo e que ama seu trabalho!

Deixo meu muito obrigada a Dra. Vanessa Lopes que com paciência e técnicas especiais transformou minha pele e renovou minha auto estima!

Contato: (21-3228-1457)

IMG_8864

Melasma é o surgimento de manchas escuras na pele, que normalmente aparecem no rosto, mas pode ocorrer em outras áreas expostas ao sol, como braços e colo. É mais comum em mulheres entre os 20 e 50 anos, porém também pode afetar os homens. Quando surgem na gravidez, as manchas são chamadas de cloasma gravídico.

melasma
Tipos:
Melasma epidérmico: Quando há depósito aumentado de pigmento através da epiderme (camada mais superficial da pele).
Melasma dérmico: Caracterizado pelo depósito de melanina ao redor dos vasos superficiais e profundos.
Misto: Quando se tem excesso de pigmento na epiderme em certas áreas e na derme em outras regiões.
Ainda há três tipos comuns de padrão facial de melasma, o malar (maçãs do rosto), centrofacial (testa, bochechas, acima do lábio, nariz e queixo) e mandibular, conforme a região em que aparece.
Para ajudar na remoção das manchas podem ser utilizados cremes clareadores a base de hidroquinona, ácido glicólico, ácido retinóico, ácido azelaico, entre outras substâncias, e, os resultados demoram cerca de dois meses para aparecer. O método não funciona em todos os pacientes e, mesmo que os resultados apareçam mais rapidamente, é necessário tempo para estabilizar a condição e impedir que a mínima exposição ao sol traga os sintomas de volta. O tratamento será constante/contínuo.

Ainda é possível que o paciente e o dermatologista optem por tratar a doença com o uso do peeling, que pode clarear a pele de forma gradual e, muitas vezes, mais rapidamente que os cremes. Contudo, é bom se atentar para a profundidade do procedimento, lembrando que os mais superficiais são mais seguros que os profundos e o dermatologista poderá dizer qual é a forma mais adequada caso a caso.

Também existe a possibilidade de usar laser ou outras formas de energia luminosa para ajudar no processo, mas o profissional tem que ser reconhecido na técnica e ela deve ser a mais adequada para o caso. Se não for a mais recomendada ou não for aplicada corretamente, o procedimento pode gerar ainda mais manchas na pele do paciente.

Se depois de iniciar o tratamento do melasma o paciente notar que a pele escureceu, está irritada ou apresentou algum outro problema deve-se contatar o dermatologista o quanto antes.

Cloasma Gravidico

“A pele da gestante está mais sujeita ao surgimento das manchas porque os hormônios estrógenos e progestágenos estimulam a melanogênese, que consiste na formação da melanina. A alteração desses hormônios leva ao aparecimento de manchas, chamadas de cloasma gravídico ou melasma”

Onde as manchas costumam aparecer?

As manchas escuras ou acastanhadas surgem na face, principalmente, nas regiões malares como maçãs do rosto, testa, nariz, buço e têmporas. “O cloasma costuma ter limites precisos e irregulares, formando placas que, em seu contorno, apresentam pontilhado pigmentar”, esclarece o dermatologista.
Além disso, o especialista revela que as mulheres com peles morenas têm mais chances de ter essas manchas. ”Quanto maior for o fototipo, mais chances de ocorrer uma hiperpigmentação. A pele morena apresenta mais células, ou seja, melanócitos, que são produtores de pigmento, a melanina.”

Fonte – Dermatologia e saúde.

Prevenção

O uso de protetor solar diariamente é importante para todas as pessoas, mas para aquelas que sabidamente têm tendência a adquirir o melasma ou se enquadram nos fatores de risco os cuidados devem ser ainda maiores. O principal da prevenção é evitar a exposição ao sol e sempre usar um bom protetor solar no rosto e demais áreas expostas. A aplicação deve acontecer várias vezes ao dia com a finalidade de evitar o estímulo para produção de pigmento. Se a pessoa já apresentou os sintomas ou sabe-se que tem grande tendência a desenvolver melasma, ela ainda pode conversar com os médicos para, se possível, evitar pílulas anticoncepcionais e reposição de hormônios.


O resultado não poderia ter sido melhor! Foto abaixo já na última sessão de laser \0/

IMG_0162

Agora continuo com ela tratando flacidez facial, preenchimentos, papada e tudo que a dermatologia pode oferecer dentro do que me propus a gastar com isso esse ano!

MEU RESULTADO: #SemFiltro

 

IMG_2055

Ahhhh, nem preciso dizer que faço um botox básico a cada 6 ou 8 meses!

Tenho 37 anos e hoje me sinto infinitamente melhor que há 10 anos atrás!Para quem quer uma ajuda extra, tem vídeo de como esconder as manchas com make básica para não sair por aí assim ameeeeega!

(vídeo antes da rinoplastia)

 


9 Comentários
Postado por Paula Miranda
  • Susi disse:

    Ola Paula,
    muito bons resultados, parabéns!

  • Liana Schmidt disse:

    Oi Paula,

    eu estava pensando em como transmitir minha experiencia e por acaso encontrei esse blog.
    Olha, essa é a minha experiencia, nao quer dizer que vai dar certo com outras pessoas.
    Tema: Melasma.
    Sofri muito tempo com isso e naaaaada teve resultado.
    Tentei muita coisa, muito creme, até tratamento com laser!
    Por acaso, em outubro de 2015 pensei….
    Melasma tem a ver com melanin…
    Melanin é produzido na parte supra renal do corpo…
    Um vez o meu médico falou que meus supra renais partes eram fracas…
    Entao pensei….
    Será que isso fez uma bagunça na produçao da melanina???
    Fraquesa é falta de energia….
    Quem tá fraco precisa de energia….
    Energia se consegue também através do calor…
    Comeci entao a por todo dia, antes de dormir, uma bolsa de água quente nos meus rins….
    e dormi com esse calor nos meus rins….
    depois de 7 ou 8 meses… quase todos os dias fazendo o mesmo…
    minhas manchas diminuiram muuuuuuito mesmo!!!
    Nao sei se foi coincidencia ou se vai dar certo com outras pessoas,
    mas essa foi minha experiencia.
    Um abraço,
    Liana.

  • Mel Falcão disse:

    Oi curica linda!
    A cada dia conheço um pouco mais da sua história, pelo snap, insta… A admiração só aumenta.
    Impressionada com seu resultado. Parabéns pelo empenho e disciplina!!
    E obrigada por dividir partes da sua vida com a gente. Sem saber você é fonte de inspiração pra muitos e pra mim, em especial, um exemplo. Beijo no coração e muita luz na sua vida e da sua família linda.

  • Ludmilla disse:

    Oi Paula. Tudo bem ?
    Pois é vivo em uma luta com essa doença. Nem laser Co2 está resolvendo. Qual foi o seu tratamento ????

  • Kellem disse:

    Paula que matéria bacana.
    Parabéns, você teve excelente resultado!
    Sofro com essa (doença)rs, os profissionais insiste em dizer que não. Mas para quem tem, é terrível. O tratamento é como o (arroz e feijão) todos os dias. Já tentei tudo, ácidos, pelling, clareadores… O triluma mim acompanhou por anos e acho que hoje já tem uma resistência. Atualmente estou usando o Blancy, queria muito fazer o laser, mas sou morena e o dermatologista fica com receio. Qual lazer você fez.
    Te sigo e gosto a cada dica dia a dia. Bjs

  • Flávia Buriola disse:

    Paulaaa, indicação de um dermato em SP? SERÁ???? Diz que SIIIIIIIIIMMMM! kkkkkkkk

  • Fabiana Ferrão disse:

    Ai Paula, preciso exatamente desse tratamento também. O problema nisso tudo é sem dúvida encontrar um profissional no qual possamos confiar, e o segundo é o custo, porque profissional bom é caro, e esses tratamentos também.
    Você poderia falar aqui em valores? estou super curiosa para saber quanto você já gastou até agora entre consultas e todos esses tratamentos.
    Sou de SP e aqui existem profissionais bons. Mas preciso de indicação p/ confiar sabe? Você indicaria algum profissional bom por aqui?
    Ah, e adoro seus snaps. Estou viciada neles. Vejo sempre! Acho o seu jeito de falar um barato!!!….
    Bjs.

  • Juliana Chagas disse:

    Curica, sua “cutis” está lindaaaa!
    Parabéns tbm por sua dedicação no “home care”, que é primordial.
    Obg por dividir com a gt seu dia a dia, alegrias, tristeza e lições de vida.
    Sou sua fã!!
    Beijos

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

© Copyright 2014 planetapaula.com.br - Todos os direitos reservados.